sábado, 29 de setembro de 2012

Perante a tragédia instalada

O que é que vamos fazer'?
 
O País está à deriva e com um rumo suicida.

Por favor leiam o post do nosso amigo Joaquim Carlos
ACORDEM, FODA-SE!
 
Seria importante parar já esta gente. O que está em causa é a verdadeira incompetência de políticos que sem conhecerem o Pais foram tomando decisões inadequadas e à contrário do bom senso minimamente exigível. 
Se não formos nós a tomar iniciativas ninguém virá para nos ajudar.
Até o internacionalismo proletário já acabou.
Estamos sós e por nossa conta.
Se nada de substancial fizermos, sobrará apenas a desgraça para ser repartida.
 
Os socrates, os campos, os loureiros, os varas, os limas, todos esses continuarão a viver bem aqui ou em qualquer outro lugar. O País é apenas o local do saque.
 
Viram a mansão do senhor campos na Guia ? De facto só para quem "ganhou" uns largos milhões a trabalhar.
Estão a ver a defesa da honra e da presunção de inocência que é exigida pela escumalha socialista ?
Estão a ver o ímpeto esclarecedor de um márinho em prol e em agradecimento ao amigo socrates que lhe pôs uns milhões na ordem ? 
Esta gente não presta e teremos que encontrar uma forma de lhes aplicar a justiça que não temos.
 
Se entre aqueles que por aqui passam houver gente disponível e pronta a tomar iniciativas, poderemos em conjunto definir uma estratégia de intervenção.
Nem é preciso muita gente. Só é necessário gente determinada.  

8 comentários:

Anónimo disse...

O Joaquim autor do post tem vindo a lamber os tomates ao atual governo, pelos vistos teve um mau despertar.

Daniel Simões disse...

Prezado, dentro deste tema, convido-o a ler uma matéria que publiquei: Nova Ordem Mundial - Desinformados, manifestantes na Europa cumprem agenda da elite http://naturologiamiga.blogspot.com.br/2012/09/nova-ordem-mundial-desinformados.html

menvp disse...

-> Manifestações à CGTP, ou seja, «queremos mais dinheiro não importa vindo de onde...» - Não Obrigado!
.
-> Precisamos é de Manifestações à Islândia: a revolução censurada pelos Media, mas vitoriosa!
Resumo (tudo pacificamente):
- Regoneciação da dívida;
- Referendo, de modo a que o povo se pronuncie sobre as decisões económicas fundamentais;
[uma sugestão: blog «fim-da-cidadania-infantil»]
- Prisão de responsáveis pela crise;
- Reescrita da Constituição pelos cidadãos.
[nota: dever-se-ia consultar o know-how islandês]

JotaB disse...

Há que concertar ideias e unir esforços, para se obterem resultados.

Nós merecemos ser governados por gente digna e não explorados por uma canalha ao serviço de interesses obscuros, inimiga de Portugal e dos portugueses.

JotaB disse...

Parece que nada mudou!

José Barata-Moura - Co'a Direita no Poder
http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=8GxPIfbXcc0

JotaB disse...

Todos os dias somos confrontados com novas notícias indecorosas!
Já não ficamos surpreendidos, mas continuamos a chocar-nos e a revoltar-nos:


17 ex-administradores da CGD recebem dois milhões em reformas por ano
A esmagadora maioria continua no activo, estando à frente de grandes empresas. Professores universitários também acumulam.

Ler mais: http://www.ionline.pt/dinheiro/17-ex-administradores-da-cgd-recebem-dois-milhoes-reformas-ano

menvp disse...

«17 ex-administradores da CGD recebem dois milhões em reformas por ano»

ahahahahahahah

-> Muito pessoal quer comer-nos por parvos!?!?... Leia-se, não falam das obscenidades dos administradores dos bancos privados!?!?


ANEXO:
Cartelizadores em pânico
.
-> Sempre que uma empresa pública concorrente apresenta lucros, os cartelizadores entram em pânico!
-> Um exemplo: quiseram introduzir taxas em cada levantamento multibanco... todavia, no entanto, o banco público CGD apresentava lucros sem ser necessário mais uma taxa... quem queria introduzir mais uma taxa teve de amochar!
.
-> Depois de permitirmos que cartelizadores se desembaraçassem da concorrência da empresa pública GALP... passamos a ser roubados a 'torto e a direito' no preço dos combustíveis.
.
-> Com o objectivo de se verem livres da concorrência pública, a falta de ética dos cartelizadores é óbvia:
- cartelizadores apoiaram a nacionalização do 'negócio madoffiano' BPN;
- e agora apoiam a privatização do banco público CGD - não é um 'negócio madoffiano', é um banco que funciona de forma regular: umas vezes apresenta lucros e outras vezes apresenta prejuízos.
.
.
P.S.
Preço de combustíveis exagerado, taxas e mais taxas dos bancos, etc... são tudo factores que ATRAVANCAM o crescimento económico... e que poderiam ser eficazmente combatidos caso existisse a concorrência de empresas públicas!

Anónimo disse...

Neste momento em que a escumalha laranja e seus associados pseudo-centristas estão a mostrar o que valem, dá muito jeito desenterrar os Sócrates da nossa vida colectiva. Se o apelo fosse à condenação de todos os pulhas que se têm governado à nossa custa desde 25 de Abril de 1974 teriam o meu apoio. Assim só vos garanto o desprezo que merecem pois já todos eles me roubaram desde então e olhem que acredito que neste blog estão alguns dos que o fizeram.
Tenham juizo, pois a manobra é tão descarada que não vai pegar. Ah! E se bem se lembram, caso já sejam maiores de idade, o DN sempre foi o jornal de todos os poderes instituidos. Era por isso que antes da gloriosa data só lia o Século.