quinta-feira, 4 de junho de 2009

A morte anunciada

O despertar de um pesadelo
Dia 7 marca o inicio do fim do mais nefasto ciclo politico da história do País.
Para não recuarmos muito, decidimos centrar a nossa análise no tempo passado e presente nas nossas memórias. 50 anos de vivências.
15 anos de Estado Novo e 35 de Estado Democrático. Três ideologias distintas.
8,4 rostos. Salazar, Marcelo Caetano, Mário Soares, Sá Carneiro, Ramalho Eanes, Cavaco Silva, Guterres, Diversos, Sócrates.
Se voltarmos 50 anos atrás, Portugal geria um Império colonial.
O País era dos mais atrasados da Europa. Éramos contestados a nível Internacional. Vivíamos mediocremente felizes e numa aparente apatia politica. Dois rostos marcaram este tempo. Salazar e Marcelo Caetano. Dois homens a quem se imputavam as mais diversas responsabilidades pela situação de atraso em que se encontrava o País. Situação essa que levou á queda do Regime em 1974. Foi então apresentado ao Povo Português um novo ideário, uma promessa de melhores dias, novos rostos de mudança, uma perspectiva de crescimento e modernidade, em suma, iríamos finalmente integrar o lote de Países mais ricos e desenvolvidos da Europa.
Trinta e cinco anos depois Portugal é a Nação mais atrasada da Europa.
60% da população vive em condições precárias. 20% vive em condições miseráveis.
Despontou no entanto uma nova casta social. A classe politica.
Subvertendo os valores subjacentes ás ideologias, ignorando os objectivos da acção politica, esquecendo o conceito de serviço publico e manipulando os Órgãos de Estado para a defesa de interesses partidários, arrastaram o País para uma situação degradante, tanto a nível Interno como Externo. Pela primeira vez na nossa história um primeiro ministro é indiciado como suspeito num caso de corrupção por um País estrangeiro. A sua continuidade em funções, depois de ter perdido toda a credibilidade exigida para o cargo que ocupa, é uma afronta e representa a total negação da respeitabilidade exigida para a continuidade no exercício de funções.
Quatro anos depois, parece que finalmente o País acordou.
No dia 7 irão começar as cerimónias funebres de um cadaver politico chamado josé socrates.
No dia 8 deveremos dar ínicio ao processo de responsabilização criminal por aquilo que estes políticos fizeram ao País.

4 comentários:

Angela Maria disse...

´Mas estas almas ainda não perceberam que é tempo de deitar abaixo este regime?????? Por quanto mais tempo é que se vão deixar comer????? IRRA! 100% de Nulos era o que haviam de levar no focinho para que a Europa realmente visse que não somos lorpas!!!! De facto este povo tem os políticos que merece. Vejam as excelentes análises da FORÇA EMERGENTE!
Muito cuidado com arrivistas e trepadores políticos!!!!!
angela Maria | Homepage | 05.06.09 - 11:49 am | #
(Publicado nos blogues "Portugal Profundo" e "José Maria Martins")

Da Serra disse...

Que pena, num blogue tão sério, se escrever tão mal a nossa língua...

a MÁFIA portuguesa disse...

PS: UN ANTRO DA MAÇONARIA

As políticas de Sócrates não deixaram dúvidas: totalitarismo anti-constitucional contra o povo português em todas as frentes sociais e profissionais, num ataque aos direitos e liberdades da sociedade, numa escala sem precedentes desde o 25 de Abril...!!!

Que o PS se utiliza da Maçonaria para fazer ingressar militantes nos seus principais cargos políticos elegíveis como forma de manter uma obediência cega, já todos nós sabemos. O problema está justamente nos princípios veiculados pela maçonaria (com a designação de "Illuminati's" na maioria dos países do mundo) actualmente, pois defende uma ORDEM MUNDIAL, ECONÓMICA, POLÍTICA e RELIGIOSA (Judaísmo, Cristianismo, Islamismo) como estratégia de se instituir como o NOVO PODER SEM OPOSITORES, NO MUNDO...!!!

A religião UNA que pretendem, o CONSENSO SOCIAL e as MAIORIAS POLÍTICAS são objectivos primordiais da sua estratégia, cujos contornos são semelhantes, senão iguais, aos da MÁFIA dos anos 30 nos EUA, dos anos 70 em Itália e dos anos 90 na Rússia.

Pretendem igualmente o TOTAL CONTROLO DA SOCIEDADE, através da VIDEOVIGILÂNCIA GLOBAL, do controlo das contas bancárias, e defendem a criação de uma POLÍCIA GLOBAL com total acesso à vida privada de cada indivíduo, com TOTAL PODER DE INTERVENÇÃO IMEDIATA EM QUALQUER CIRCUNSTÂNCIA (e daí terem criado a Lei Anti-Terrorista...!!!).

Desta forma, UM SÓ PODER, com TOTAL CONTROLO, pela ELIMINAÇÃO DE TODOS OS OPOSITORES, poderá levar rapidamente ao sonho nacional-socialista de HITLER: o III REICH, ou o IMPÉRIO DOS MIL ANOS...

Força Emergente disse...

Caro Serra
Obrigado pelo seu comentário. Afim de melhorarmos aquilo que for possível, gostariamos que concretizasse alguns dos aspectos que lhe parecem merecer maior cuidado. Ficaremos gratos pelo apoio.